Meu relacionamento

Aceitamos e justificamos os nossos erros, mas não suportamos os deslizes do outro.

A cada novo dia vivemos novas experiências e sempre temos decisões a tomar. Em razão dessas escolhas podemos acertar ou errar.
Na vida a dois, reconhecemos que algumas atitudes assumidas foram malsucedidas, contudo, não deixam de fazer parte da nossa história. Sem haver a menor possibilidade de apagar os erros do passado, deles só podemos tirar a lição de não reincidir nos mesmos enganos.
Ainda que as pessoas nos alertem sobre alguns cuidados para evitar os sofrimentos, em alguns momentos, estaremos arriscando a nossa liberdade – mesmo não sendo intencional – de também errar.

A cada dia, o casal participa mutuamente da história do outro, e não sendo possível apagar de nossa vida as más experiências, não será difícil, em certo momento, o (a) companhe
iro (a) tomar conhecimento dessas situações.
Diante dessas descobertas – que poderão não ser tão doces quanto gostaríamos – o desejo do cônjuge de continuar a jornada do convívio com aquele por quem se dizia estar apaixonado pode esfriar. Sob o domínio das decepções, pA chave do passadoode-se rotular ou condenar o outro ao escárnio; difamando-o a fim de justificar o sentimento de decepção e recusando-lhe o direito da “boa fama”. Pois, na sua natureza egoísta,imagina não ser o único a saber da história do (a) parceiro (a) e considera vergonhoso partilhar a vida com alguém após tomar conhecimento do passado da pessoa amada.

Aceitamos e justificamos os nossos erros, mas não suportamos os deslizes do outro. Com memória curta ou anestesiada pela soberba deixamos perder em nossas lembranças o fato de que não somos irrepreensíveis. Esquecemos que também temos um “telhado de vidro” e por outras inúmeras vezes fomos objeto da misericórdia e da complacência de outras pessoas, quando nos víamos numa esparrela sem saída.

Na odisséia em que nos colocamos a viver no comum de um relacionamento, estará aquela pessoa que escolhemos para ser o nosso “co-piloto”. Juntos, faremos novas descobertas sobre os segredos da convivência. Assim, ninguém poderá fazer do nosso passado uma arma, disparando-a quando quiser nos ofender, chantagear ou aprisionar.

A pessoa com quem nos relacionamos é muito mais que um simples produto que – uma vez “arranhado” ou com “data de validade vencida”- perde seu valor e sua integridade.
A beleza de cada ser humano está na sua capacidade infinita de desejar viver uma nova história. Mesmo que ele tenha vivido um passado maculado pelas contingências, nenhum de nós é íntegro o bastante para julgá-lo.

Apesar de termos caído em algumas armadilhas, a nossa vida e os nossos valores não ficaram presos às “arapucas” das quais fomos vítimas.

Um abraço,

Dado Moura

Tema publicado originalmente em out./2008

Compartilhe com seus amigos!

12 Comentários

  1. Oi meu nome e daniela gostaria de sabe oque eu faço eu peguei meu marido com outra mulher so que ele nao me deixou mais ainda doir em mim porque ela trabalha aonde ele trabalha tambem oque eu faço ele fala q ele errou e nao vai fazer mais isso sera

  2. E muito triste voce investir num relacionamento de casamento e depois da de cara com a traicao assim muitas vezes sem razao so por interese , nao exite no mundo uma pessoa em sua mera conciencia viver com duas isso e impossivel ,temos que valorizar sempre quem esta ao nosso lado e nunca desviar os sentimentos volorize sempre seu conjuge seja sempre feliz em tudo voce faz

  3. Fatinha Bezerra

    Como sempre cara amigo, vc toca no fundo da ferida, fazendo-nos acreditar q tem jeito!!Obr

  4. Dado, gostei do seu maravilhoso comentário, como sempre, nos trazem profunda inspiração e nos fazem percebermos a importância de estarmos de bem com a vida e com nós mesmos e os outros q fazem parte da nossa vida.Nos motivam a darmos continuidade aquilo q parece está acabando e por outro lado, dá fim aquilo q não merece ir em frete. Se tratando de passado, gostaria de fazer uma pergunta: dentro de um relacionamento é importante e/ou necessário conhecer todo o passado do companheiro(a). Em uma experiência que estive não foi muito legal, o tempo todo fiquei como muitos dizem: “de orelha em pé” e acabou não dando certo, fiquei pensando: melhor se eu não soubesse, talvez seria diferente. De já agradeço!!! Que Deus o abençõe!!! Abraços..

  5. renata veber

    na verdade nao e nada facil esse sentimento que corroi por dentro,um dia estamos bem, outro nao ,vivendo a duvida do sentimento do companheiro, apos uma traicao,pois traiu tambem a amizade e respeito que tinhamos, antes em todos os sentidos.

    principalmente quando se tem filhos, nunca sabemos direito o que somos e oque representamos cansei de olhar pela janela e ver casais felizes na rua e invejar,so nao dou um basta porque o amor ainda existe da minha parte.

    • Ola Renata, sobre esse tema, tentei esboçar algumas coisas entre elas mencionava que Para a pessoa que foi abandonada, os sentimentos estarão sempre feridos; e como família, seus membros se comportam como células de um organismo vivo, desse modo, as sequelas da infidelidade não excluirão de seu alcance também os filhos.

      A restauração de um relacionamento conjugal não se faz apenas com a volta física da pessoa ao lar ou com o sustento de suas necessidades. Antes, será necessário conhecer e eliminar os motivos que favoreceram as vias da traição. Leia mais em http://goo.gl/rWUJC

  6. Fantástico!!! essa parte: “Esquecemos que também temos um “telhado de vidro” e por outras inúmeras vezes fomos objeto da misericórdia e da complacência de outras pessoas, quando nos víamos numa esparrela sem saída.” cai como luva para mim. Fui alvo de criticas e mais criticas por 3 anos, desde “seus dentes estao amarelado sujos” até “voce nao me da presentes, nao me faz mais carinho”. Suportei tudo por que amava e acreditava que ele era “o cara”, descobri traicoes, terminamos, sofri de resolvi dar uma nova chance a pedidos (com direito a ele se embriagar num bar e ficar chamando o raul abracado a privada rsrs)hoje me lembro que eu dava presentinhos para ele, fazia muito carinhos, acreditava no amor e na verdade ele era do tipo “vem a mim o vosso reino”. e o pior… ele tinha um bafo HORRIVEL que com o tempo se tornou insuportavel…. Hoje estou solteiro e me amando mais, dieta, com projeto de academia, fujo de carentes profissionais que no primeiro mes ja falam em morar junto. To adorando este site.

  7. Sinto que um dia irei embora desta vida sem ter vivido o tal grande amor…………..será que o amor, amor de verdade existe? Penso que diante de tantas traições não existe amor de verdade, somente o de Pai e Mãe. Mais ainda procuro o grande amor da minha vida…………..apesar de ser casada duas vezes mãe de tres filhos, ainda sinto que falta a tal felicidade e fidelidade no meu casamento. Ou será que ainda não encontrei o amor de verdade!!! Como será esse amor!!…………esse grande amor

  8. Domingo, dia 24 janeiro, faço Bodas de Ouro, 50 anos de casada, difícil hoje em dia, não?
    Amo meu marido, ele diz que me ama também, (sinto que é verdade).
    Tivemos uma vida de altos e baixos, mas chegamos lá…
    Minha vida está acabando comparando com as dos moços.
    Mas, valeu a pena…
    Um abraço
    Yacy

  9. O meu problema no casamento e que meu esposo se acha melhor do que eu,me chama de burra, idiota,doida e eu respondo digo que e ele.Que eu não sei conversar com ele.Mas pra pessoas da rua e um santo.E principalmente no seu trabalho. Acho que para gente não tem mais jeito. Um abraço Feliz Ano Novo.

  10. Muito bom este artigo. Parabens pela reflexao

  11. MARIA JOSE

    SOMOS SERES COM CAPACIDADE DE VIVER NOSSAS FRAQUEZAS ,CAIR SE LEVANTAR, PERDOAR E PODER CONTINUAR COM LEMBRANÇAS DE ATITUDES CERTAS OU ERRADAS DEPENDENDO DA CONSCIÊNCIA DE CADA UM… NAO É APENAS NAS ATITUDES ACERTADAS QUE TIRAMOS LIÇÃO DE VIDA MAS TAMBÉM NOS ERROS APRENDEMOS QUE A VIDA E UMA SÓ E VIVEMOS AQUILO QUE DESEJAMOS E NÃO O QUE NOS É IMPOSTO!! SE NÃO TIVESSEMOS UM PASSADO NAO EXISTIRIA O PRESENTE E O FUTURO…. NAO SE PODE PENSAR QUE O PASSADO FOI UM ERRO E SIM UM APRENDIZADO PARA UM FUTURO MELHOR………… O MAIS IMPORTANTE E VIVER E TER ALGUÉM PARA AMAR E SER AMADO E PODER TER TIDO A CHANCE DE TER FEITO ALGUÉM FELIZ !! PARABÉNS E FELICIDADES DEUS O ABENÇOE PELO QUE VC É E PELA SUA FAMÍLIA !!!!!!!!!! ABRAÇOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *